Você já conhece as modalidades tradicionais de investimento em moedas: LCI, CDB, Tesouro Direto… tudo isso já é familiar aos ouvidos de quem pretende fazer rendimento com o dinheiro dos bancos. Mas já sabe como investir em criptomoedas e ICO?

Começando pelo começo, se ainda não sabe o que é ICO, leia esse texto aqui, que fizemos para te explicar, em detalhes, o que é Initial Coin Offering, ou oferta inicial em moedas. No ICO o investidor paga por uma criptomoeda a partir de seu desenvolvimento e pode começar a ver sua aplicação render mesmo antes de ela ser inserida no mercado de criptomoedas.

E o que são criptomoedas? Fazendo um resumão em uma frase, as criptomoedas são moedas virtuais utilizadas para cada vez mais transações, tanto no ambiente virtual quanto no mundo real, que não são regulamentadas por governos e, por isso, tem um processo peculiar e único de cotação.

A principal dica de especialistas para o investimento em criptomoedas e ICO é não colocar todo o dinheiro de investimento apenas nessa modalidade, já que a flutuação do câmbio do dinheiro virtual pode tanto subir rapidamente quanto descer com a mesma facilidade.

Escolher bem a moeda onde você vai investir é outra forma segura de ter mais rendimento do que prejuízo.

O pagamento em criptomoedas adquiridas e ICO pode ser feito a partir de “dinheiro real”, através de transferência bancária, cartões de crédito ou débito, e também através de outras criptomoedas, caso o projeto aceite essa forma de pagamento.

Os primeiros passos para investir em criptomoedas são:

  1. Ter uma carteira virtual;
  2. Encontrar uma empresa que faça o câmbio entre dinheiro real e moeda virtual;
  3. Comprar a moeda;
  4. Mover a criptomoeda para sua carteira virtual.

E para investir em ICO?

  1. Ter uma carteira virtual;
  2. Encontrar um projeto de ICO que agrade ao seu portfólio de investimentos;
  3. Comprar tokens desse projeto.

As criptomoedas e os ICOs serão sempre comprados com dados pessoais, então certifique-se de que suas informações e privacidade estão asseguradas no momento do investimento.  

Quais são os melhores câmbios de criptomoedas?

Quando um brasileiro viaja para o exterior, precisa trocar os reais que tem na carteira pelas moedas do país que irá visitar. Dólares, euros, libras, pesos e tantas outras moedas são comercializadas por casas de câmbio, ou “Exchange”.

Na internet, as Exchange de criptomoedas são as opções de câmbio para quem deseja comprar uma alta quantidade de criptomoedas.

Para escolher a melhor ou mais adequada é preciso saber, antes de tudo, qual é a moeda que você deseja comprar – e ver se a Exchange em questão trabalha com essa moeda.

As principais empresas especializadas em fazer esse câmbio [LM1] são Coinbase e Coinmama.  

Na blockchain as transações são públicas e, ao mesmo tempo, sigilosas (leia mais sobre isso aqui), mas, na compra de criptomoedas, as Exchange podem pedir todas as suas informações pessoais. Isso é um reflexo da política de “conheça seu cliente” a que muitas dessas empresas estão submetidas. Por conta dessa burocracia, dependendo da quantidade de criptos que você comprar, a transação pode demorar algum tempo.

Mas não desista: essa é a única etapa em que uma provável lentidão pode ocorrer a partir do momento em que você adota a blockchain como um centro de transações financeiras.

Como evitar fraudes na compra de criptomoedas e ICOs?

Ainda que os sistemas que hospedam criptomoedas e ICOs sejam mais seguros que outros meios, mais tradicionais, de transação financeira, é sempre bom ter um cuidado a mais antes de comprar criptomoedas ou participar de processos de ICO.

O primeiro passo para evitar prejuízos nesse contexto é, justamente, pesquisar bastante. Existem moedas já conhecidas, moedas ainda incipientes e muitas empresas lançando as suas. Quando isso ocorre, o investidor deve estar atento ao histórico da empresa que oferta moedas e dos nomes envolvidos no desenvolvimento do projeto de ICO. Além disso, é indispensável analisar o projeto e as possibilidades de rendimento e lucro antes de dar um lance.

Na blockchain, é indicado que a compra de qualquer moeda seja precedida de uma reserva de Bitcoins, que é a cripto mais famosa e faz as vezes de um regulador do mercado – embora, é bom deixar claro, essa modalidade financeira não tenha nenhum órgão regulamentador. O que ocorre é que a Bitcoin facilita algumas transações, inclusive na compra de outras moedas.

O segundo passo é acompanhar as avaliações dos ICOs e das criptomoedas. Investir nessa área demanda a mesma atenção de investir na bolsa de valores, por exemplo: a graça está em acompanhar o mercado e ver qual é o melhor momento de comprar ou vender criptomoedas.

Na hora de transacionar uma moeda virtual, peça garantias e não esvazie sua carteira sem ter certeza de que a outra ponta cumprirá com o combinado. Se alguém estiver sugerindo que você coloque tantas moedas virtuais em uma carteira X para poder ganhar o dobro ou o triplo, desconfie da fraude e não dê ouvidos.

Por fim, não estoque seu dinheiro nas Exchange. Use o sistema para o câmbio entre moedas mas armazene os valores comprados dentro da sua própria carteira.

Nunca se esqueça que este não é um mercado regulamentado e, portanto, creditar suas possibilidades em empresas pode significar um ganho enorme e, também, um rombo milionário. Se, no “mundo real”, os bancos contam com uma reserva em caso de quebra, para que os correntistas não percam seu dinheiro – o Banco Central garante valores de até 250 mil por correntista –, no mundo das criptomoedas isso não existe. Dessa forma, é melhor guardar seu dinheiro onde você possa movimentá-lo sem intermediários.

Participar de processos de ICO e de compra e venda de criptomoedas é uma modalidade inovadora de investimento e pode render muito mais que os investimentos tradicionais. Para isso, a pessoa interessada precisa pesquisar bastante, fazer investimentos responsáveis e entender que esse é um cenário extremamente flutuante.

De uma coisa ninguém duvida: as criptomoedas vieram pra ficar. Escolher o melhor tipo de investimento no universo das cripto e dos ICO é a maneira mais correta de participar dessa nova onda financeira que pode, literalmente, mudar vidas da noite para o dia.


Spread the word!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*